Siga a Pirâmide Alimentar e tenha uma Alimentação Saudável

nova pirâmide alimentar

A pirâmide alimentar, anteriormente representada pela Roda dos Alimentos, foi desenvolvida, em 1992, pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos. Mais recentemente, o Departamento de Nutrição da Escola de Saúde Pública da Universidade de Harvard sugeriu uma nova pirâmide, que passa a ter como base o exercício físico e uma alimentação saudável para controlar o peso.

Os grupos alimentares que estruturam a pirâmide foram associados a partir das suas características nutricionais e dividem-se em porções, mas é o exercício físico que está agora na base da pirâmide alimentar.

Assim, devemos:

Genes que influenciam a tensão arterial

genes que influenciam a tensão arterial

Foram identificadas oito variantes de genes associados à tensão arterial e à hipertensão.

O estudo mundial que conduziu a esta descoberta foi feito com a colaboração de mais de 190 mil mulheres, confirmando que alguns dos mecanismos mais importantes que influenciam a tensão arterial estão relacionados com o controlo dos níveis de sal e o diâmetro das artérias.

A médio prazo, esta pesquisa permitirá identificar enzimas terapêuticas para medicamentos que poderão ajudar a controlar a hipertensão e, segundo um dos investigadores, poderão ainda vir a ser desenvolvidos tratamentos personalizados.

Propriedades nutricionais dos tremoços

tremoços

Os tremoços, também conhecidos como “o marisco dos pobres”, são um aperitivo muito apreciado. No entanto, muitas vezes, levantam-se dúvidas sobre as suas propriedades nutricionais; será que se pode incluir este aperitivo num regime dietético?

Vejamos…

Fatores positivos deste aperitivo:

Importância das Proteínas para o Organismo

Inclua mais peixe e legumes na sua alimentação.

As proteínas são estruturas químicas que contêm carbono, hidrogénio, oxigénio e nitrogénio na sua composição. A mistura de todos estes ingredientes, garante o sucesso das atividades que elas desempenham no organismo. O colágeno e a queratina, responsáveis pela composição dos cabelos e das unhas, são exemplos de proteínas naturalmente presentes no nosso corpo.

As proteínas alimentares estão presentes em três grupos da pirâmide alimentar: leite e derivados, carnes e ovos, leguminosas. Somando todos eles, as proteínas devem acumular entre 15 a 20% das calorias totais do regime alimentar diário.

As proteínas obtidas através dos alimentos desempenham diversas funções no organismo:

Como saber quais as dietas que são seguras?

Faça dieta sem comprometer a saúde...

Hoje em dia existem muitas dietas e programas de emagrecimento, desde as que prometem milagres bebendo apenas líquidos ou aquelas em que pode se pode ingerir gordura sem moderação… A diversidade é muita, mas sabe quais as dietas verdadeiramente seguras?

À partida, as dietas restritivas estarão eliminadas, pois inibem o consumo de alimentos que contêm nutrientes fundamentais para o organismo, como os hidratos de carbono. Este tipo de dieta podem mesmo originar disfunções graves no organismo pela carência de nutrientes e minerais necessários para a saúde e bem-estar geral.

Uma boa dieta para emagrecer deve ser equilibrada, incluindo todos os nutrientes, pois cada um deles tem uma ação específica no organismo. Para perder peso de forma saudável o segredo é diversificar os alimentos e moderar as quantidades.