Arquivo de Etiquetas: refeições

O que comer no café da manhã

O que comer no café da manhã

O café da manhã deve contribuir com pelo menos 15% do valor calórico total do dia. Mas, se é tão importante que se tome esta refeição, a sua composição também deve ser pensada. Saiba o que não deve faltar ao pequeno-almoço:

  • leite ou derivados – iogurte, requeijão, queijo;
  • pão ou outros farináceos que forneçam amido – tostas, cereais, flocos de aveia ou bolachas integrais, de água e sal, tipo Maria ou Torrada;
  • fruta ou suco natural de fruta, sem açúcar.

A dieta do abdómen

dieta do abdómen

A dieta do abdómen, de David Zinczenko, é uma das dietas mais simples e objetivas que há. É uma combinação perfeita de um plano nutricional e de um conjunto de exercícios físicos. No fundo, é uma proposta para uma mudança no estilo de vida de cada um.

Esta dieta consiste numa reorganização de hábitos, tanto ao nível do regime alimentar como dos hábitos diários, incluindo a prática regular de exercícios físicos. Deste modo, a dieta do abdómen defende que se ingiram seis refeições diárias, três delas mais importantes (pequeno-almoço, almoço e jantar) e as outras três consistem em pequenos lanches entre as refeições principais.

Aquando da preparação de qualquer uma das refeições principais, deve ter em conta uma lista de onze alimentos, os alimentos superpoderosos. Cada refeição principal deve incluir pelo menos dois destes alimentos e cada lanche deve ter pelo menos um deles; deve ainda variar os alimentos entre as refeições e adicionar sempre uma proteína aos lanches.

A Importância de tomar o café da manhã

A Importância de tomar o café da manhã

Embora seja uma das mais importantes refeições do dia, muitas das vezes, acabamos por esquecer ou despachar o café da manhã, tomando apressadamente um café e um bolo a caminho do trabalho.

É exatamente para o ajudar, a si e à sua família, a reestruturar os seus hábitos alimentares, que dedicamos este artigo a explicar os benefícios de tomar o pequeno-almoço em casa. Leia as indicações que se seguem, pense no seu caso em particular e reflita sobre o que pode mudar para se “reeducar”, no sentido de adquirir hábitos alimentares mais saudáveis.

Convém não esquecer!

Dieta ALCO

Dieta ALCO

Esta dieta teve origem na Argentina, tendo sido criada pelo Dr. Cormillot, no âmbito do trabalho desenvolvido na ALCO – sigla de “Anónimos Luchadores Contra la Obesidad”, ou seja Associação de Combate à Obesidade. Inaugurada em 1967, esta instituição tinha como objetivo criar grupos de auto-ajuda que, em conjunto com uma dieta específica e sob orientação, permitissem perder peso de uma forma eficaz e, assim, combater a obesidade. Atualmente a Associação tem mais de 700 filiais em vários países, incluindo Argentina, Paraguai, Uruguai, Espanha, Israel e Canadá.

Especialmente indicado para pessoas obesas ou que comem muito, este método é eficaz para pessoas que já fizeram várias dietas e não obtiveram os resultados desejados, acabando por engordar.

Os princípios da dieta ALCO

Siga a Pirâmide Alimentar e tenha uma Alimentação Saudável

nova pirâmide alimentar

A pirâmide alimentar, anteriormente representada pela Roda dos Alimentos, foi desenvolvida, em 1992, pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos. Mais recentemente, o Departamento de Nutrição da Escola de Saúde Pública da Universidade de Harvard sugeriu uma nova pirâmide, que passa a ter como base o exercício físico e uma alimentação saudável para controlar o peso.

Os grupos alimentares que estruturam a pirâmide foram associados a partir das suas características nutricionais e dividem-se em porções, mas é o exercício físico que está agora na base da pirâmide alimentar.

Assim, devemos: