Arquivo de Etiquetas: nutrientes

Como saber quais as dietas que são seguras?

Faça dieta sem comprometer a saúde...

Hoje em dia existem muitas dietas e programas de emagrecimento, desde as que prometem milagres bebendo apenas líquidos ou aquelas em que pode se pode ingerir gordura sem moderação… A diversidade é muita, mas sabe quais as dietas verdadeiramente seguras?

À partida, as dietas restritivas estarão eliminadas, pois inibem o consumo de alimentos que contêm nutrientes fundamentais para o organismo, como os hidratos de carbono. Este tipo de dieta podem mesmo originar disfunções graves no organismo pela carência de nutrientes e minerais necessários para a saúde e bem-estar geral.

Uma boa dieta para emagrecer deve ser equilibrada, incluindo todos os nutrientes, pois cada um deles tem uma ação específica no organismo. Para perder peso de forma saudável o segredo é diversificar os alimentos e moderar as quantidades.

O que é uma dieta saudável?

dieta saudável

Antes de tudo o mais, é fundamental que saibamos o que é uma dieta saudável. Trata-se de uma dieta equilibrada, composta por diversos produtos que satisfazem totalmente as necessidades de vitaminas, minerais e energia. A dieta saudável significa também a redução do consumo de gordura e açúcar.

Para nos mantermos saudáveis, devemos ter o cuidado de ingerir a os nutrientes necessários (cálcio, ferro, ácido fólico, …) na quantidade adequada a cada pessoa e/ou situação específica. No caso das mulheres, durante a menstruação há uma grande perda de ferro, pelo que, nesta fase, deverá haver uma atenção redobrada em relação à ingestão deste nutriente.

Ao ingerir grandes quantidades de açúcar, a dieta entra em desequilíbrio, uma vez que pode fornecer calorias vazias, ou calorias que não fornecem qualquer valor nutritivo. Por sua vez, as dietas à base de gordura saturada são muito arriscadas – podem provocar altos níveis de colesterol no sangue, e ainda aumentar o risco de doenças cardíacas.

Ação dos Antioxidantes numa Alimentação Saudável

Antioxidantes naturais

Uma alimentação saudável pressupõe que seja equilibrada e rica em determinados componentes, como os antioxidantes. Para tal, devemos respeitar cada setor da pirâmide alimentar, dando preferência à qualidade e não à quantidade.

Todas as células que constituem o organismo gastam energia para as suas funções, convertida dos nutrientes ingeridos, por um processo de combustão. Durante este processo, para produzirem energia a partir dos nutrientes, as células libertam radicais livres e estes, quando libertados, são extremamente prejudiciais ao organismo. Mas não temos estruturas interiores ou órgãos capazes de os eliminar ou atenuar; para conseguirmos proteger o nosso organismo dos radicais livres, devemos fazer uma alimentação saudável e rica em antioxidantes, pois são eles que, além de ajudarem a extinguir o excesso de radicais livres, estimulam o sistema imunitário e aumentam a nossa resistência às infeções.

Há dois tipos de antioxidantes:

Conheça os nutrientes: Sais Minerais – Selénio

nutrientes - selénio

O selénio é um nutriente com várias funções no organismo, das quais se destacam a participação na síntese de hormonas tiroidianas, a ação antioxidante e o auxílio a enzimas que dependem dele para terem um bom funcionamento.

A quantidade ideal de ingestão de selénio para adultos é de 55 microgramas por dia. Salmão, castanha de caju e carnes são boas fontes deste nutriente.

Confira a quantidade do mineral que alguns alimentos oferecem:

Escolha os alimentos e controle as calorias

dieta saudável

O termo dieta, por definição, refere-se ao que uma pessoa come ou bebe durante o dia. Nunca devemos esquecer que a dieta ideal é aquela que contempla os nossos gostos e inclui uma ampla variedade de alimentos com calorias e nutrientes suficientes para nos assegurar uma boa saúde.

Dietas que, para promover a perda de peso, limitam as porções a uma quantidade mínima ou excluem completamente alguns alimentos, podem não ser eficientes a longo prazo. Seguindo este tipo de dieta, ficamos mais propensos a sentir falta de algumas comidas e achar difícil de seguir por muito tempo esse regime alimentar.

É útil alterar gradualmente os tipos e quantidades de alimentos que ingerimos e manter essas mudanças para o resto da vida. A quantidade e qualidade do que comemos desempenham um papel importante no nosso peso. Então, ao planear uma dieta alimentar, devemos considerar os seguintes aspetos: