Os melhores alimentos para emagrecer

alimentos para emagrecer

Os alimentos são uma das fontes primárias do nosso sustento e da energia que gastamos diariamente nas tarefas quotidianas, no entanto, todos são diferentes, na cor, no tamanho, na textura, na apresentação, assim como na sua constituição e funções. Uns são reguladores, outros são energéticos, alguns são construtores e outros ainda são constituídos à base de nutrientes plásticos. Daí que consoante a sua constituição, os alimentos nos ajudem de diversas formas, desde proteger a pele, fortalecer os ossos, ajudar a prevenir contra certas doenças ou ainda emagrecer.

Os melhores alimentos para emagrecer são, sem dúvida, os alimentos termogénicos, uma vez que aceleram o metabolismo e aumentam a temperatura corporal, levando a um maior gasto de energia e, consequentemente, uma maior quantidade de calorias gasta. No entanto, outros há que que nos ajudam igualmente a emagrecer, quer seja pelas poucas calorias ou pela sua constituição.

Na lista que se segue estão indicados alguns dos melhores alimentos para emagrecer, que devem ser incluídos diariamente em todas as refeições.

Melão ajuda a controlar o stresse

comer melão

Hoje em dia, o tempo disponível é muito limitado para todas as tarefas que temos em mãos – o emprego é cada vez mais exigente e quando chegamos a casa ainda temos as tarefas domésticas, assim como a família, à espera de algum tempo disponível. Toda esta faina do quotidiano nos causa cansaço, fadiga e, claro, irritabilidade com tudo e com todos. Estes sintomas, associados a dores de cabeça e à má disposição são alguns dos sinais de que estamos a entrar em campos de stresse bastante elevados e prejudiciais, tanto para as nossas relações profissionais, como para as nossas relações pessoais.

A melhor forma de vencermos um combate é enfrentá-lo, assim também acontece com o stresse, que deve ser enfrentado e combatido. Podemos e devemos começar a fazê-lo pela forma mais simples e mais prática que temos, através da alimentação.

A alimentação deve ser saudável, equilibrada e variada, em todas as refeições; no entanto, quando estamos nalguma situação de desequilíbrio, devemos dar prioridade a alguns dos alimentos que ajudam a restabelecer esse equilíbrio. A ingestão de algum tipo de frutas é uma das melhores formas de combater o stresse, devido às suas propriedades nutricionais, em especial o melão, refere um estudo francês.

Benefícios das fibras numa dieta de emagrecimento

benefícios das fibras

As fibras alimentares são nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo e podem-se encontrar nas frutas, verduras, legumes e grãos integrais. Na categoria das fibras alimentares, podemos incluir todas as partes dos vegetais que as enzimas do sistema digestivo não conseguem digerir.

As fibras alimentares são divididas em duas categorias as fibras solúveis e fibras insolúveis.

  • Fibras solúveis
    São as que se dissolvem na água, ajudam na diminuição do colesterol e da glicose no sangue e podem encontrar-se nos cereais como cevada, aveia, frutas como a maça, laranja, clementina, tangerina, e nas leguminosas como ervilha e feijão.
  • Fibras insolúveis
    Percorrem todo o sistema digestivo, promovendo o aumento das fezes, e são benéficas para quem sofre da obstipação, podem-se encontrar em alimentos como farinhas integrais, farelos integrais, linhaça, nozes, banana e na maioria vegetais.

Benefícios da framboesa

benefícios da framboesa

A framboesa é o fruto da framboeseira, tem um sabor suave e agridoce, mas a polpa é muito aromática. É um fruto constituído por várias drupas, pequenas e arredondadas, que se agrupam num aglomerado e se prendem a um pequeno recetáculo, deixando o núcleo oco.

A framboesa pode-se consumir crua ou na forma de polpa, marmelada, compotas, gelados, licores, iogurtes, sumos e doces, entre outros produtos alimentares. É, por isso, um fruto com bastantes potenciais, podendo se utilizada com diversas finalidades, além de ter excelentes benefícios para a saúde humana.

As framboesas podem ser cultivadas ou nascem no asfalto de forma silvestre, no entanto, tanto de uma forma como de outra têm múltiplas vantagens para a saúde. Este fruto é uma excelente fonte de vitamina C, que ajuda o organismo, nomeadamente o sistema imunitário a proteger-se contra as infeções. As propriedades antioxidantes da vitamina C participam na produção de colagénio, esta proteína faz parte de estruturas como a pele, o tecido conjuntivo, a cartilagem e os tendões. A framboesa contém boas quantidades de cálcio, de potássio, de ferro e de magnésio.

A sua dieta inclui legumes?

dieta legumes

Uma dieta é um conjunto de características que determinam os hábitos alimentares de qualquer pessoa, assim como o conjunto de alimentos que fazem parte do regime alimentar.

O regime alimentar deve variar consoante a idade, o sexo e o peso de cada um, no entanto, em todas as dietas devem estar incluídos os legumes.

A maior parte dos legumes tem um alto teor de fibras, promovendo uma boa regulação do trânsito intestinal. São ainda uma excelente fonte de vitaminas, folato e de potássio entre outros minerais e, acima de tudo, são pobres em gorduras e normalmente em calorias – desde que não sejam adicionados muitos molhos ricos em gordura, especialmente quando os legumes são ingeridos em saladas. São também ricos em vários fitoquímicos que nos protegem de várias doenças cardíacas e cancerígenas.