O que causa a obesidade?

o que causa a obesidade

As causas da obesidade são muitas e variam de pessoa para pessoa. Há fatores que podem contribuir para o desequilíbrio entre a ingestão e o consumo de calorias — como a idade, sexo e genes, composição psicológica e fatores ambientais.

Diferentes pesquisas têm demonstrado que a obesidade pode a ser hereditária devido a hábitos de vida, dieta comum, podendo também ser causada por genes. Mas isso não significa em absoluto uma pessoa será obesa somente por ter parentes obesos.

Há muitas coisas que nada têm a ver com fome e que podem conduzir à obesidade. De entre elas, podemos enumerar fatores negativos (como depressão, tédio, desespero ou fúria) que nos levam a comer demais e que, se não forem controlados, podem ser potenciais causadores da obesidade. Não quer isto dizer que as pessoas com excesso de peso e obesas têm mais problemas emocionais do que as outras pessoas. O problema é que os seus hábitos alimentares têm influência nos sentimentos a eles associados e conduzem facilmente à obesidade.

O estilo de vida das pessoas é um dos fatores ambientais mais importantes que podem conduzir à obesidade, uma vez que esta é causada principalmente pelo sedentarismo e ingestão de comida superior às efetivas necessidades do organismo. Atualmente, vivemos numa sociedade em que o nosso nível de atividade e hábitos alimentares são, em grande parte, resultado do ambiente que nos rodeia.

O nosso estilo de vida tende a ser mais sedentário e cada vez as pessoas se vêm com menos tempo para fazer uma alimentação faseada e equilibrada, o que as leva, muitas vezes, a comer poucas vezes ao dia, mas em grandes quantidades. Este ritmo acelerado, associado aos hábitos alimentares desajustados tendem, pois, a criar desequilíbrios no organismo que têm, na maior parte das vezes, como consequência um aumento de peso desmesurado.

Há ainda que ter em conta que a constituição e características físicas do homens diferem das da mulher. Com a mesma ingestão de calorias, as mulheres são mais propensas a ganhar peso do que os homens. Esta situação verifica-se, porque os homens estão naturalmente propensos a ter mais massa muscular do que mulheres. Mesmo em repouso, os homens consomem mais calorias do que as mulheres, porque o músculo queima mais calorias do que outros tipos de tecido.

As pessoas idosas tendem a perder massa muscular e a ganhar gordura, além de que o seu metabolismo também diminui um pouco. Estes fatores levam as que suas necessidades calóricas sejam inferiores e, como tal, deverá ser feito um ajuste no regime alimentar por forma a ajustá-lo às necessidades calóricas desta fase da vida.

 Um outro período muito importante da vida, em que as mulheres correm o risco de aumentar excessivamente de peso se não fizerem uma alimentação saudável e equilibrada é a gravidez. Infelizmente, este ganho de peso pode contribuir para a obesidade. As mulheres tendem a pesar uma média de 4 a 6 quilos a mais depois de uma gravidez do que antes desta.

Independentemente do fator que possa ser a causa da obesidade — que é sempre indesejada (não só em termos de saúde, como de bem-estar físico e social) — temos de tomar consciência das efetivas necessidades do nosso organismo. Só desta forma poderemos travar  uma das piores epidemias do século XXI.

 O que causa a obesidade?

TAMBÉM PODERÁ GOSTAR DE LER:

Tallon felicita Póvoas pelo livro Emagrecer com Sucesso
Coma fruta e seja mais saudável
Sumo de Gengibre com Abacaxi e Limão
Hipotiroidismo: causas, sintomas e tratamento da doença


Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>