Saúde da Tiróide: hipertiroidismo e hipotiroidismo

Engordar ou emagrecer de repente, sem fazer qualquer modificação no regime alimentar ou nas tarefas diárias, são indícios que algo não funciona bem com a tiróide. Ler ... »

Propriedades nutricionais dos tremoços

Se gostar de “petiscar”, os tremoços são uma boa opção. Ao fazê-lo, estará a reduzir o consumo de calorias ao mesmo tempo que aumenta a ingestão de fibras. Ler ... »

Propriedades nutritivas e medicinais da alface

As alfaces são boas aliadas numa dieta de emagrecimento, dado que contêm uma boa fonte de fibra laxante, que aumenta a sensação de saciedade. Ler ... »

Sabia que a maçã ajuda a reduzir a ingestão de calorias?

A fruta deve ser ingerida antes das refeições e não depois. Frutas consistentes, como a maçã, enviam rapidamente uma mensagem de saciedade para o cérebro. Ler ... »

Alimentação e Saúde: alimentos que diminuem o colesterol

Conseguimos controlar o colesterol e zelar pela nossa saúde, fazendo pequenas adaptações no nosso regime alimentar, de modo a ter uma dieta equilibrada e saudável. Ler ... »

 

Arquivos Diários: Outubro 5, 2018

Benefícios dos alimentos vermelhos

alimentos vermelhos

As cores dos alimentos conferem-lhes propriedades nutricionais específicas. Neste artigo, vamos conhecer especificamente os alimentos vermelhos e os benefícios que estes trazem à saúde.

Ao consumirmos alimentos de cores variadas estaremos a fornecer ao organismo todos os nutrientes de que ele necessita. Por isso, é importante que as refeições sejam coloridas, de preferência com de todas as cores. Normalmente, quanto mais forte e escura é a cor do alimento, maior é a quantidade de nutrientes – um espinafre, por exemplo, contém 8 vezes mais vitamina C do que uma alface.

Os alimentos vermelhos caracterizam-se por terem muitos benefícios para a saúde, dada a sua grande qualidade nutricional. Este grupo é rico em licopeno, uma substância antioxidante que confere a cor avermelhada aos alimentos; quando absorvido pelo organismo, combate os radicais livres e retarda o envelhecimento. Os nutricionistas indicam que o consumo diário de uma quantidade pequena de alimentos vermelhos ou avermelhados garante a dose de licopeno de que o organismo necessita – essa quantidade é representada, por exemplo, por um tomate, três cerejas ou três amoras.